Pastoral da Saúde propõe celebração da segunda-feira da Misericórdia e do Bom Samaritano no dia 8 de abril

D.R.

Convite – A Pastoral da saúde convida os grupos da Pastoral da Saúde, as capelanias hospitalares e todos os visitadores de doentes e idosos a celebrar festivamente a segunda-feira depois domingo da misericórdia. O convite estende-se a toda a pastoral da caridade, isto é, à Pastoral Social e à Pastoral da Deficiência. Nada se pode fazer sem Jesus. Com Ele, nele e por Ele tudo conseguiremos. É isto que queremos tornar consciente e verdadeiramente vivo em nós. Para quem desejar e/ou poder, celebraremos este dia a nível diocesano na capela do Hospital Pulido Valente pelas 19:00 horas do dia 8 de Abril.

Proposta – A proposta é que os grupos se reúnem-se ao final do dia, pelas sete horas da tarde, por exemplo, celebrem a eucaristia ou a Celebração da Palavra, devendo ser tudo combinado e preparado com o Prior. Seguem para isso os subsídios necessários. À missa deve seguir um momento de adoração ao santíssimo, se possível, e terminar com a oração da misericórdia.  

Propósito – A Segunda-Feira da Misericórdia e do Bom Samaritano, desafia os grupos da Pastoral da Saúde e todos os visitadores de doentes a saciarem-se do lado de Cristo e a renovarem-se espiritualmente para o serviço da misericórdia e da compaixão aos irmãos frágeis e doentes e no serviço à vida e à saúde. 

Para compreender melhor – A Misericórdia Divina é o manancial de toda a ação samaritana. Deus amou tanto o mundo que lhe enviou o seu Filho Unigénito e Jesus, o Bom Samaritano Divino, passou fazendo o bem, curando os doentes, ressuscitando os mortos e anunciando a Boa-Nova do Reino. Chamando a si os doze, enviou-os, dois a dois, e disse-lhes: ide… anunciai a Boa-Nova do Reino e curai os doentes. E, depois de se entregar nas mãos do Pai, suspenso na cruz, do seu lado aberto jorrou sangue e água. Sangue e água que jorram do Poço espiritual que é Cristo para matar a sede de vida e de saúde. 

Na Pastoral da Saúde, não po­demos deixar de beber desse Poço espiritual, saciando a nossa sede. A Palavra de Deus e a oração são caminhos que nos levam ao verdadeiro Poço de Jacob que é Jesus.  São a corda e o balde para aceder à Água-viva que nos permite, à semelhança do Bom Samaritano (cf. Lc 10,25-37), sair ao encontro dos irmãos frágeis e doentes e levar-lhes a Água-Viva.

(Subsídios litúrgicos)

SEGUNDA-FEIRA DA MISERICÓRDIA 

E DO BOM SAMARITANO

Para a missa

  • Oração de Coleta

Derramai, Senhor nosso Deus, abundantes graças sobre os vossos fiéis para que, anunciando a alegria da Ressurreição do Senhor aos mais frágeis e doentes, seus familiares e cuidadores, vivam no vosso amor e sejam misericordiosos e compassivos para com todos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus e convosco vive e reina na unidade do Espírito Santo por todos os séculos dos séculos.

Amem.

Leituras

Da Carta de São Paulo aos Colossenses (3,12-15)

Como eleitos de Deus, santos e amados, revesti-vos, pois, de sentimentos de misericórdia, de bondade, de humildade, de mansidão, de paciência, suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos mutuamente, se alguém tiver razão de queixa contra outro. Tal como o Senhor vos perdoou, fazei-o vós também. E, acima de tudo isto, revesti-vos do amor, que é o vínculo da perfeição. Reine nos vossos corações a paz de Cristo, à qual fostes chamados num só corpo. E sede agradecidos.

       Palavra do Senhor

Salmo 144(145)

Refrão: O Senhor é clemente e compassivo,
paciente e rico de misericordioso.

O Senhor é clemente e compassivo,
é paciente e misericordioso.
O Senhor é bom para com todos;
a sua ternura repousa em todas as suas obras.

Louvem o Senhor todas as suas criaturas;
todos os seus fiéis o bendigam.

O seu reino é um reino por toda a eternidade
e o seu domínio estende-se por todas as gerações.

O Senhor é justo em todos os seus caminhos
e misericordioso em todas as suas obras.
O Senhor está perto de todos os que o invocam,
dos que o invocam em verdade.

Evangelho, segundo São Lucas (10,25-37)

Levantou-se um doutor da Lei e perguntou a Jesus para o experimentar: «Mestre, que hei de fazer para possuir a vida eterna?» Jesus disse-lhe: «Que está escrito na Lei? Como lês tu?» Ele respondeu: «Amarás o Senhor, teu Deus, com todo o teu coração e com toda a tua alma, com todas as tuas forças e com todo o teu entendimento; e ao próximo como a ti mesmo.» Disse-lhe Jesus: «Respondeste bem; faz isso e viverás.» Mas ele, querendo justificar a pergunta feita, disse a Jesus: «E quem é o meu próximo?»Tomando a palavra, Jesus respondeu: 

«Certo homem descia de Jerusalém para Jericó e caiu nas mãos dos salteadores que, depois de o despojarem e encherem de pancadas, o abandonaram, deixando-o meio morto. Por coincidência, descia pelo mesmo caminho um sacerdote que, ao vê-lo, passou ao largo. Do mesmo modo, também um levita passou por aquele lugar, e, ao vê-lo, passou adiante.

Mas um samaritano, que ia de viagem, chegou ao pé dele e, vendo-o, encheu-se de compaixão. Aproximou-se, ligou-lhe as feridas, deitando nelas azeite e vinho, colocou-o sobre a sua própria montada, levou-o para uma estalagem e cuidou dele. No dia seguinte, tirando dois denários, deu-os ao estalajadeiro, dizendo: “Trata bem dele e, o que gastares a mais, pagar-to-ei quando voltar.” Qual destes três te parece ter sido o próximo daquele homem que caiu nas mãos dos salteadores?» O doutor da Lei respondeu: «O que usou de misericórdia para com ele.» Disse-lhe Jesus: «Vai e faz tu também o mesmo.»

            Palavra da salvação.

Oração dos Fiéis

Caríssimos irmãos e irmãs: Oremos, para que o Senhor nos inunde com a sua misericórdia e nos ajude a ser bons samaritanos, dizendo, confiadamente: 

R.Ouvi, Senhor, a nossa oração

  1. Para que a santa Igreja, presente em toda a terra, ampare, estimule e defenda os bons samaritanos que o Espírito Santo nela faz surgir. Oremos ao Senhor.

2. Para que as nações em dificuldade recebam a ajuda internacional de que precisam e assim cresça o bem-estar dos seus habitantes. Oremos ao Senhor. 

3. Para que os profissionais da saúde encontrem sempre nos assistentes espirituais e capelães solicitude fraterna, humanidade e um testemunho do amor de Deus. Oremos ao Senhor. 

4. Para que todos os doentes do mundo, particularmente as crianças, encontrem em Jesus o grande amigo e, em cada cuidador ou voluntário, um irmão solidário. Oremos ao Senhor. 

5. Pelos que participam nesta celebração do Dia da Misericórdia e do Bom Samaritano, para que, iluminados pelo Espírito, em tudo deem louvores a Deus e glorifiquem o seu nome. Oremos ao Senhor. 

Senhor, nosso refúgio e fortaleza, escutai benignamente as nossas orações, e concedei-nos, em abundância, o que vos pedimos com fé. Por Cristo Senhor nosso.

  • Oração sobre as Oblatas

Aceitai benignamente, Senhor, as ofertas dos vossos fiéis e renovai-os na alegria da caridade. Por Cristo, Nosso Senhor.

Antífona da Comunhão

Perguntou Jesus ao doutor da Lei: «Qual dos três se tornou próximo do homem que caiu nas mãos dos salteadores?» «O que teve compaixão dele», respondeu. E Jesus disse-lhe: «Vai e faz tu também o mesmo.»

  • Oração depois da Comunhão

Concedei, Deus todo-poderoso, que a força do sacramento pascal que recebemos nos encha de misericórdia e nos fortaleça para realizarmos com alegria o vosso mandato de curar e cuidar os doentes. Por Nosso Senhor Jesus Cristo que vive e reina por todos os séculos dos séculos. 

Ámen.

ORAÇÃO DA MISERICÓRDIA

Oh! Senhor nosso Deus, 

Vossa misericórdia é infinita e os tesouros de compaixão inesgotáveis, 

voltai o vosso olhar para nós e sede-nos favorável; 

aumentai a vossa misericórdia em nossa mente, 

para que nas ansiedades não caiamos no desespero; 

aumentai a vossa misericórdia em nossos corações, 

para que nas dificuldades confiemos em Vós sem hesitação;

aumentai a vossa misericórdia em nossas almas 

para que não caiamos na desobediência da fé, 

mas nos conformemos com vossa Santíssima Vontade.

Concedei-nos, Senhor, 

que nos cuidados que prestamos e no acompanhamento que realizamos 

aos doentes e seus familiares, 

nunca nos falte a abundância da vossa misericórdia, 

mas jorre como uma fonte através da nossa presença, 

dos nossos atos e das nossas palavras, 

e, assim, cada doente se encontre convosco em cada um de nós, 

e nós nos encontremos convosco em cada doente.

Nós vo-lo pedimos por Nosso Senhor Jesus Cristo, que convosco vive e reina 

na unidade do Espírito Santo e nos inunda com a sua misericórdia, agora 

e pelos séculos dos séculos. 

Ámen.

(Descarregar em pdf estes subsídios litúrgicos)