“Servir a Igreja e ajudar a louvar a Deus”

Grupo coral Solidéu soleniza Eucaristias na Catedral do Funchal

O Grupo Coral Solidéu nasceu em 2015. Foi fundado, pelo organista e regente André Rodrigues Ribeiro. A escolha do nome está relacionada com a palavra “Solidéu”, que significa “só para Deus”. 

O Grupo iniciou a sua caminhada na Paróquia de São Martinho, na solenização da Eucaristia Dominical. Foram bem-recebidos pela comunidade Paroquial, nomeadamente pelo pároco da altura o cónego Marcos Gonçalves, que “foi e é um grande pilar na construção, na visibilidade e na continuidade deste projeto, podendo agora contar connosco na Sé do Funchal”.

Atualmente o coro é constituído por 12 elementos, distribuídos três sopranos, dois contraltos e um baixo, acompanhados por duas flautas transversais, dois violinos, um clarinete e um órgão.

Desde 2020, soleniza a Eucaristia Dominical, das 11 horas, na Catedral do Funchal, com transmissão pela Rádio PEF. E em 2021 passou também a solenizar a Eucaristia vespertina ao sábado, às 18 horas. “Tem sido uma bonita caminhada em comunidade e sempre dando toda a nossa dedicação para servir a Igreja e ajudar a Louvar a Deus” referiu André Ribeiro.

Pedras Vivas 18 de fevereiro de 2024 (A4)

Pedras Vivas 18 de fevereiro de 2024 (A3)