Colégio: Religiosos e Leigos tiveram primeiro dia de formação com o Pe. Jorge Ferreira

Foto: Duarte Gomes

Ao fim da tarde de terça-feira, 23 de janeiro, iniciaram-se as Jornadas de Atualização dos Religiosos e Leigos na igreja do Colégio com o tema, “A liturgia lugar de encontro com Cristo e os Irmãos”.

Antes de iniciar este primeiro dia de formação, o liturgista padre Jorge Ferreira, em declarações ao Jornal da Madeira, falou da importância da formação, que não é “um mero capricho” ou algo para “entreter as pessoas”. 

Trata-se sim, de dar às pessoas ferramentas para que elas tomem verdadeira “consciência daquilo que fazemos, quando nos encontramos na igreja, num momento de uma celebração”. 

De resto, “falar da liturgia enquanto lugar de encontro é tomar consciência que somos todos membros desta igreja que se torna real, visível também na celebração da liturgia”.

Nesta celebração, explicou, “não só nos encontramos com Jesus que é presente na hóstia consagrada, no vinho, mas encontramos Jesus também presente na Palavra proclamada, na assembleia reunida, porque o próprio Jesus diz: quando dois ou três estiverem reunidos em meu nome eu estou no meio deles”. 

Ao mesmo tempo, o professor do Instituto de Santo Anselmo, em Roma, procurou também “ajudar a refletir e a tomar consciência que eu não só me relaciono com Deus, mas que esta minha relação com Deus se deve refletir na minha relação com os outros”. 

Esta reflexão, vincou, é tanto mais importante pelo facto de “podermos ter a tentação de cair numa religião muito intimista, eu com Deus e ninguém tem mais nada a ver com isso”. Mas não é isso que é ser verdadeiramente cristão.

“Ser verdadeiramente cristão é assumir a nossa relação pessoal, mas não individualista. Pessoal, que nos compromete até ao mais âmago do nosso ser, que nos compromete com Ele, mas na relação com os irmãos, com os outros”, vincou o liturgista, para logo acrescentar que “a minha fé tem de ter consequência nos meus atos, nas minhas atitudes. É a isso que chamamos de coerência de vida”.

Hoje, dia 24, o Pe. Jorge Ferreira volta ao Colégio, desta vez para falar de Liturgia e Espiritualidade.