Semana da Vida: Paróquia do Carmo acolheu conferência sobre “Medicina reprodutiva restaurativa”

D.R.

Integrada na Semana da Vida, a paróquia do Carmo acolheu, sexta-feira, dia 19 de maio, uma conferência com o tema “Medicina reprodutiva Restaurativa”, que teve como oradoras a Dr.ª Mariana Villalôbos Cabral e a enf.ª Vanessa Machado.

Na reta final desta semana, em que se falou da vida nas suas diversas fases, coube a estas duas profissionais de saúde falarem sobre o FertilityCare. Conforme explicou a médica ao Posto Emissor do Funchal (PEF).

Trata-se de “um sistema de observação e apreciação de determinados biomarcadores do organismo da mulher”. Um “sistema médico e científico fruto de quase quatro décadas de estudo, que começaram na Universidade de Creighton, nos Estados Unidos, com o  Dr. Thomas Hilgers”. Em Portugal, “foi a enf.ª Vanessa Machado, que é enfermeira especialista em saúde materna e obstetrícia a pioneira que introduziu, há cerca de 10 anos este sistema”, em Portugal.

Actualmente a equipa conta já com 13 elementos, dos quais 8 são médicos – três de Medicina Geral e Familiar, dois de patologia clínica, dois ginecologistas e obstetras e uma médica psiquiatra.

De forma presencial o atendimento é feito, maioritariamente em Lisboa. Mas há cerca de um ano começou também a ser feito na Madeira, mais precisamente em Câmara de Lobos, além da possibilidade de recorrer a consultas online.

O FertilityCare é baseado no conhecimento e compreensão das fases que ocorrem naturalmente na fertilidade e infertilidade de uma mulher.  Baseia-se na observação padronizada e no registo de marcadores biológicos essenciais para a saúde ginecológica e reprodutiva da mulher.

Agora, a mulher pode conhecer seus ciclos e usar essa informação para a manutenção da sua saúde.  Além disso, os casais podem usar esse conhecimento para planear a sua família e construir o seu futuro juntos.