Concerto na Sé assinalou 250 anos do nascimento de Beethoven e 10 anos de ordenação episcopal de D. Nuno

Foto: Duarte Gomes

No passado dia 20 novembro, realizou-se na Sé do Funchal um concerto para comemorar os 250 anos do nascimento do grande compositor Ludwig van Beethoven. 

Para tal, foram interpretadas duas belíssimas obras de dois grandes compositores da música erudita: 1ª Parte – Sinfonia nº 3 em Mi bemol, Op55 – “Eróica” de Ludwig van Beethoven – do período de transição entre o Classicismo (século XVIII) e o Romantismo (século XIX); 2ª Parte – Missa in Angustiis [Nelson Mass] Hob:XXII Em Ré menor de Joseph Haydn – do período clássico.

No fim do concerto, a Orquestra Clássica da Madeira e os artistas convidados, dedicaram ao bispo do Funchal, D. Nuno Brás, o andamento “Glória” da Obra de Haydn, pela comemoração do seu 10º aniversário da sua ordenação como bispo. 

O concerto foi dirigido pelo Maestro Martin André. Como Solistas atuaram a soprano Mariana Pimenta, a mezzo-soprano Rita Coelho, o tenor Alberto Sousa e o barítono Ricardo Panela.

A Orquestra contou ainda, com as vozes do Coro de Câmara da Madeira e do Záve – ZêzareArts, Ensemble Vocal, sob a direção da Maestrina Zélia Gomes e do Maestro Brian MacKay.