Celebração na capela de Nossa Senhora da Saúde

Foto: Sílvio Mendes

Na capela de Nossa Senhora da Saúde localizada no sítio da Meia Légua, na paróquia da Ribeira Brava, no domingo 25 de Julho às 13 horas será celebrada a missa que assinala a festa da padroeira daquele templo.

A origem da devoção a Nossa Senhora da Saúde surgiu na Idade Média, durante o tempo da peste negra na Europa.

Segundo a tradição, em 1599, houve uma epidemia de peste sobre a população de Sacavém (Portugal) com tamanho impacto, que o número de pessoas mortas foi superior ao espaço disponível junto a Igreja Nossa Senhora da Vitória. Então resolveram enterrá-las nas proximidades. Ao abrirem a primeira vala, os coveiros depararam-se com uma imagem de Nossa Senhora. O povo logo se reuniu com grande amor e veneração e realizou-se  uma procissão em honra  de Nossa Senhora.  No final da procissão, a peste cessou. A imagem de Nossa Senhora descoberta na vala passou a ser aclamada Nossa Senhora da Saúde.

A Sagrada Tradição venera Maria como a Saúde dos Enfermos. Esse título, assim como os demais, surgiu da fé e da esperança do povo para com a Virgem Maria.

Na Madeira, Nossa Senhora da Saúde é a padroeira das paróquias dos Lameiros, na freguesia de  São Vicente e de João Ferino na freguesia de Santo António da Serra.