Bispo do Funchal preside a Eucaristia de Ação de Graças pelo Pe. Mário Tavares

Foto: Duarte Gomes

Será celebrada este sábado, dia 4 de julho, uma Missa em Ação de Graças pelo Padre Mário Tavares, pelas 18 horas, na Igreja Paroquial de São Tiago, na Freguesia do Jardim da Serra. Esta eucaristia será presidida por D. Nuno Brás.

No final da celebração, conforme se pode ler num ‘post’ publicado pela paróquia nas suas redes sociais, “haverá um momento de poesia, no qual serão ditos, por membros da comunidade paroquial, alguns poemas da autoria de José Gomes Ferreira, Sebastião da Gama e Geraldo Vandré.”

Estes textos, pode ainda ler-se na nota, “expressam mensagens muito próximas e, nalguns casos até coincidentes, com o modo de pensar e com a ação que o Pe. Mário Tavares teve ao longo da sua vida, quer como capelão militar, como professor, como deputado, como empreendedor social, quer como sacerdote”.

Recorde-se que o Pe. Tavares faleceu no passado dia 6 de junho, com 85 anos de idade. Enquanto sacerdote, foi pároco de diversas Comunidades Paroquiais na Diocese do Funchal. Contudo, aquela onde passou mais tempo e onde a sua ação foi mais profícua e marcante foi a Paróquia de São Tiago, na atual Freguesia do Jardim da Serra.

Ali trabalhou durante 23 anos (1969-1992). A sua ação transformadora estendeu-se por todas as áreas da vida desta comunidade. Lutou pela extinção da colonia e defendeu os direitos das bordadeiras, incluindo o direito à reforma; fundou a Cooperativa Liberdade, para ajudar a melhorar alimentação, sobre tudo das crianças que sofriam de desnutrição; reorganizou a catequese; organizou passeios paroquiais; incentivou as famílias a investir na educação dos filhos; criou o grupo de teatro, instituindo no Salão Paroquial um espaço de cultura; fundou o jornalinho Jardim da Serra; lutou para que fosse construída uma escola de raiz; dinamizou o grupo de Cidadãos Eleitores que esteve na base da elevação do Jardim da Serra à categoria de freguesia.

Por tudo isto e pela sua “ação transformadora”, que continua a fazer-se sentir, “a Comunidade Paroquial de São Tiago prestará, amanhã, em forma de gratidão, esta justa e sentida homenagem ao Pe. Mário Tavares”.