Irmã Maria do Monte declarada Venerável pelo Papa Francisco

D.R.

É a primeira Venerável nascida na nossa ilha da Madeira. A Serva de Deus irmã Maria do Monte foi hoje declarada Venerável pelo Papa Francisco. 

Alguém é considerado Venerável quando o Papa entende que, neste caso, uma Serva de Deus, com processo aberto de beatificação e canonização, levou uma vida provada e verificada de vivência em grau heróico das Virtudes cristãs.

Está assim demonstrado que a irmã viveu em grau heroico as virtudes da fé, esperança e caridade e as virtudes cardiais da prudência, justiça, temperança e coragem.

Em nota enviada às redações, a Diocese do Funchal “alegra-se por mais este passo importante no processo de beatificação da irmã Maria do Monte, da Ordem das Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus”.

Agora para a Beatificação terá de acontecer um milagre que se prove foi alcançado por sua intercessão.

Nasceu em 1897, na freguesia de Santo António, no Funchal e foi batizada com o nome de Elisa de Jesus Pereira. Quando em 1927 entrou na Congregação das Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus, deram-lhe o nome de Maria do Monte, a Senhora da sua devoção. Faleceu a 18 de dezembro de 1963.