D. Nuno Brás presente na vigília de oração pelas vítimas de abuso sexual na Igreja

Foto: Duarte Gomes

Tal como estava previsto realizou-se esta quarta-feira, dia 22 de fevereiro, entre as 21 e as 22 horas, uma vigília de oração pelas vítimas de abuso sexual na Igreja.

A vigília decorreu no Largo do Colégio e juntou mais de meia centena de pessoas entre as quais D. Nuno Brás e a Pastora Ilse Berardo, mas também sacerdotes, leigos, membros de vários organismos ligados à Igreja, jovens, homens e mulheres que, em silêncio, se manifestaram contra o flagelo que assolou também a Igreja Católica na Região.

Recorde-se que esta foi uma vigília a nível nacional, que juntou católicos de norte a sul do país, mas também das ilhas quiseram mostrar publicamente que não estão indiferentes ao que vêem, ouvem e lêem e precisam de mostrar o seu testemunho enquanto leigos, membros da Igreja, que também se sentem profundamente envergonhados.