5º dia do novenário – Jesus é Autoridade

D.R.

Por Conceição Freitas

Terça-feira, coração no Altíssimo e olhos postos no alto dos picos que o granizo ainda cobre, um pequeno grupo dirige-se para o Mosteiro. Lá já se reza o terço, saudações à Virgem Maria que escorrem pela encosta, sobre as famílias que sonolentas vão deixando o seu leito quentinho. Depois, segue-se a celebração da Eucaristia, ou Ação de Graças.

A Palavra de hoje dão-nos a conhecer Jesus, homem com Autoridade.

E fiquei a pensar que quando se faz um Mestrado é importante referir os autores que corroboram todas as nossas afirmações e, quantos mais e melhores na matéria, valorizam a tese  Mas, quando alguém se propõe fazer um doutoramento a coisa muda de nível, pois, depois de referir todas as eminências versadas no assunto da dissertação, tem de apresentar algo de novo, com argumentos convincentes por vezes contrariando as teorias existentes.

A Autoridade de Jesus é de outra ordem. ELE diz: Eles disseram. Eu, porém, digo-vos. Nem mais!

E, quem é capaz de argumentar ou refutar os Evangelhos de Jesus? ELE é a Autoridade Suprema.

“E todos se maravilhavam com o Seu ensinamento, pois ensinava como quem tem Autoridade e não como os Doutores da Lei”. (Mc 1,22) “Assombrados perguntavam uns aos outros: Que é isto? Eis um novo ensinamento, e feito com tal autoridade que até manda aos espíritos malignos e eles obedecem-lhe” (Mc 1, 27).

Madre Virgínia ensinai-nos a virtude da obediência à vontade de Deus, em honra e louvor à Sua Autoridade.