Diocese do Funchal: Jovens escrevem ao Papa Francisco

Os  jovens da Diocese do Funchal e o seu bispo prepararam uma carta para o papa Francisco. Entregá-la ao Sumo Pontífice vai ser mais uma das missões do Pe. Carlos Almada que, no próximo domingo vai estar com o líder máximo da Igreja.

O sacerdote, recorde-se, integra a delegação portuguesa que vai receber os símbolos  da JMJ este domingo, na Basílica de São Pedro, no final da Missa presidida pelo Papa, às 10h00 (hora local, menos uma em Lisboa).

Fique a conhecer o conteúdo da carta:  

SUA SANTIDADE  

PAPA FRANCISCO

Na impossibilidade de nos cruzarmos em Roma, de rezarmos juntos, de nos vermos, falarmos, os jovens da Diocese do Funchal (ilha da Madeira), escrevem-lhe para agradecer, pedir e reavivar o dom da Sua vida e ministério!  

            AGRADECER a oração diária por cada um de nós; o Sínodo dos jovens, que manifestou a preocupação pela nossa geração, presente e futuro da Humanidade; pela confiança que deposita em nós; por nos recordar que somos muito importantes para o Senhor: «(…) oh quanto valeis vós» (CV, nº 122);e, por reconhecer em nós jovens a força inspiradora e renovadora de Deus: na resiliência e vivacidade, próprias da juventude, que pela força do Espírito Santo aspiram mudar o mundo.  

            PEDIR a Sua Santidade que nunca se canse de pedir pela paz. De forma especial pela paz na Venezuela. Pelas nossas famílias que ainda estão lá e que vivem na pobreza, ou, privadas dos seus direitos. Reze por nós jovens ao Senhor, para que inflame em nossos corações a vontade de sermos construtores de paz, de amor, dum mundo de todos, onde reine a paz, e a fraternidade, como inundou o coração do jovem Francisco de Assis. 

            REAVIVAR – Os nossos pais não nos deixam esquecer a passagem do Papa Santo pela nossa ilha, designada por São João Paulo II, «a pérola do atlântico». Passaram a amar o Papa com mais força! Renovamos hoje, a vontade de o amarmos ainda mais, de rezarmos por si e consigo nas suas intenções. Rezamos consigo, a quem Jesus confia o nosso coração jovem – cheio de sonhos e espectativas, dúvidas e incertezas.  

Conte connosco! Esperamos por si em Lisboa.

Os jovens e o seu Bispo