Oração do Papa pelas Filipinas, Costa do Marfim e Roménia

No final do Angelus deste domingo (15), Francisco demonstrou solidariedade às vítimas do Tufão Vamco, nas Filipinas, e do incêndio em hospital na Roménia. Oração também para a Costa do Marfim, na África, que enfrenta um contexto de tensão social e política que também já provocou muitas vítimas.

Vamco é o quinto tufão a atingir as Filipinas no último mês

“Estou próximo com a oração ao povo das Filipinas que sofre com as destruições e, especialmente, com as inundações causadas por um forte tufão. Manifesto a minha solidariedade às famílias mais pobres e expostas a esses desastres, e o meu apoio àqueles que estão trabalhando para ajudá-las.”

Assim o Papa Francisco demonstrou a sua solidariedade no Angelus deste domingo (15) aos atingidos pelo Tufão Vamco que já matou dezenas de pessoas e deixou outras desaparecidas nas Filipinas. Além disso, segundo informações do Conselho de Redução de Risco de Desastres, citado pelo agência de notícias espanhola EFE, mais de 1 milhão de pessoas foram afetadas pela tempestade, quase 26 mil casas foram danificadas, obrigando cerca de 370 mil pessoas a abandonar as residências. O Vamco é o quinto tufão que atingiu o país no último mês e o 21° ciclone neste ano.

O pedido de reconciliação à Costa do Marfim

O Pontífice também se dirigiu à Costa do Marfim, “que comemora hoje o Dia Nacional da Paz, num contexto de tensões sociais e políticas que, infelizmente, provocaram numerosas vítimas”:

“Eu me uno em oração para obter do Senhor o dom da concórdia nacional e exorto todos os filhos e filhas daquele querido país a colaborar responsavelmente para a reconciliação e uma convivência serena. Encorajo, em particular, os vários atores políticos a restabelecer um clima de confiança recíproca e de diálogo, na busca de soluções justas que protejam e promovam o bem comum.”

A oração pela Roménia

Enfim, o pensamento e a oração do Papa também a quem sofre com as consequências de um incêndio deflagrado na UTI para pacientes com Covid-19, na Roménia:

“Ontem, num hospital na Roménia, onde vários pacientes afetados pelo coronavírus estavam internados, um incêndio provocou algumas vítimas. Manifesto a minha proximidade e rezo por eles. Rezemos por eles.”

Andressa Collet – Vatican News