Vaticano: Aumentou o número de católicos no mundo

Dados divulgados pela Santa Sé mostram dinamismo eclesial nos primeiros anos do pontificado de Francisco

D.R.

Os católicos chegam, neste momento, aos 1330 milhões de pessoas, cerca de 18% da população mundial, segundo os dados do Departamento Central de Estatística da Igreja.

Em termos de distribuição por continente, 48% dos católicos vivem na América; 21,5% na Europa.

O Anuário Pontifício 2020 e o Anuário Estatístico da Igreja 2018 destacam um aumento “na incidência da ação pastoral na África e na Ásia”, indica o comunicado divulgado pela Santa Sé.

Em relação ao número de sacerdotes, regista-se uma quebra de 0,3% entre 2013 e 2018, com um diminuição de 7% na Europa e um aumento de 14,3% no continente africano.

Já o número de diáconos permanentes aumentou, a nível global, em 10%, chegando ao 47 mil.

Os candidatos mundiais ao sacerdócio passaram de 118 251 em 2013 para 115 880 em 2018, com uma variação negativa de 2%; a quebra afeta particularmente a Europa (-15,6%) e a América (-9,4%).

Outra quebra significativa apontada pela Santa Sé é relativa às religiosas professas, com uma diminuição de 7,5%, novamente entre 2013 e 2018; também o número de religiosos que não são padres desceu (-8%).

OC