Assembleia Nacional da ACR reuniu 110 delegados em Leiria

Tal como o Jornal da Madeira oportunamente noticiou a Ação Católica Rural (ACR) reuniu a sua IX Assembleia Nacional de Delegados, no Seminário Diocesano de Leiria, em Leiria, nos dias 13 e 14 de julho de 2019.

Após a avaliação da situação atual do Movimento e a Leitura Prospetiva das Realidades, com a ajuda dos convidados Dr. António Marujo e D. Armando Esteves Domingues, foram lançados Desafios à Igreja e ao Movimento, representado pelos 110 delegados e participantes: 

1. Responder aos grandes temas da atualidade, com destaque para a problemática global da ecologia e da ecologia integral, para os quais o Papa Francisco sensibilizou a Igreja com a Encíclica Laudato Si’. 

2. Estar a par da vida e dos problemas concretos das pessoas, sem medo de conhecer a sua vida e o seu trabalho. As Paróquias e Movimentos devem ser voz, agitando as consciências das comunidades, pois o que não fazemos é também uma forma de violência. 

3. Conceder aos jovens protagonismo nos caminhos da Igreja. Para tal, é preciso apoiá-los nas suas iniciativas e fazendo caminho intergeracional, pois a evangelização requer redes comunitárias. 

4. Procurar novas linguagens e novos lugares, que vão ao encontro das pessoas. 

5. Investir fortemente na formação integral dos militantes. 

6. Intervir no meio, com base na Doutrina Social da Igreja (DSI) e colocando em prática a Revisão de Vida, assumindo o papel essencial dos leigos nesta ação, em comunhão com a Igreja e procurando trabalhar com outros Movimentos Eclesiais e com a sociedade civil. 

Os Delegados, entre os quais cinco da Diocese do Funchal e o respetivo assistente diocesano, Pe. Hélder Gonçalves, congratularam-se com o trabalho realizado pela ACR, que continua a agir nos seus meios. 

Reafirmou-se a vontade de seguir a Missão Eclesial e Social do Movimento, aprovando as linhas de força que orientarão o caminho para o triénio 2019-2022, sob o slogan “Ser e Viver para Transformar”. 

Nesta Assembleia foi ainda eleita a nova Equipa Nacional para o triénio 2019-2022.