Sexta feira Santa assinalada com Vias sacras

D.R.

A Sexta-feira Santa, que evoca a morte de Jesus, é um dia de jejum para os fiéis católicos, que não celebram a Missa, mas uma cerimónia com a apresentação e adoração da cruz.

É um dia alitúrgico, no qual os fiéis podem comungar na celebração que decorre durante a tarde, perto da hora em que se acredita que Jesus terá morrido, nas igrejas desnudadas desde a noite anterior.

Em todas as paróquias da Diocese do Funchal vão ser celebradas estas cerimónias e nalgumas dcorrerá a procissão do Senhor Morto.

Haverá também vias sacras com os seguintes horários:

Paróquia de Cristo Rei (na freguesia da Ponta do Sol) às 14 horas: início da Via Sacra organizada pelos jovens com partida do sítio da Ingriota.

Paróquia de Santa Cecília (freguesia de Câmara de Lobos) às 9h30: via sacra encenada pelos jovens no Pico da Torre.

Estreito de Câmara de Lobos às 10 horas:  Via Sacra nas ruas junto à igreja com encenação pelo grupo de jovens daquela paróquia.

Paróquia do Sagrado Coração de Jesus (Boa Nova) às 15 horas: via sacra no Bairro de Santa Maria Maior.

Nazaré às 15 horas: via sacra pelas ruas do Bairro da Nazaré.

Paróquia da Sagrada Família às 20 horas: Via sacra com encenação no Bairro do Hospital sendo organizada pelo grupo de jovens.

Também na Sexta-feira Santa, a partir das 10 horas, irá realiza-se uma via sacra entre o Largo da Fonte, na freguesia do Monte e o Terreiro da Luta. É orientada pela Comunidade Verbum Dei.

Nesse dia os Cooperadores Salesianos organizam uma via sacra com partida da igreja do Monte às 9 horas concluindo-se no monumento a Nossa Senhora da Paz, situado no Terreiro da Luta.