D. Nuno Brás almoçou com seminaristas do Funchal a estudar nos Olivais e já se diz madeirense

Foto: Facebook de D. Nuno Brás

Poucas horas depois de ser conhecida a sua nomeação para bispo do Funchal D. Nuno Brás publicava, na sua página de facebook, uma foto acompanhada da seguinte descrição: “Já madeirense, depois de almoçar com os seminaristas da diocese no Seminário dos Olivais”.

Neste momento são oito os jovens da ilha que se encontram naquele seminário: no 1º ano de Teologia estão o Diogo, do Caniçal, o Marcos, da Calheta, o Pedro e o Tiago, da Nazaré; no 3º ano de Teologia está o Patrício, do Piquinho; no 4º ano de Teologia está o João, de São Pedro e no 6º ano de Teologia estão o Diácono André, de Santo António e o Diácono Marco, do Curral das Freiras.

Recorde-se que o André o Marco foram ordenados diáconos no passado dia 30 de dezembro, numa Eucaristia na Sé do Funchal. Se tudo correr como previsto serão os primeiros sacerdotes madeirenses a serem ordenados por D. Nuno Brás, já em finais de julho. 

O bispo eleito do Funchal, que em entrevista ao Jornal Voz da Verdade disse querer “conhecer a realidade” da sua nova diocese, e “incrementar a vida cristã na Madeira”, começou desta forma o seu novo percurso, embora este contato com os seminaristas da Região não seja propriamente uma novidade, uma vez que desde 1980 que os seminaristas do Funchal fazem a sua formação em Lisboa.