Para Belém com fé, reclusos e crianças

Presépio vivo de Poiares | D.R.

Vila Real: Valorização da dimensão religiosa do Natal

«Eclipse de Deus trocou a adoração de Jesus pelo dinheiro»

1.D. Amândio Tomás, bispo de Vila Real pediu às comunidades católicas da diocese que recuperem a dimensão religiosa do Natal, numa sociedade que “trocou o Menino Jesus pelo Pai Natal e pelo consumo desenfreado”.

“O Natal perdeu a conotação religiosa, com o Filho de Deus feito homem. O eclipse de Deus trocou a adoração de Jesus pelo dinheiro, pelos bens materiais, pelo espetáculo e pelo brilho efémero das coisas terrenas”. O bispo, que completou 75 anos de idade em abril, tendo apresentado a sua resignação ao Papa, como determina o Direito Canónico, refere que “este Natal é, de certo, o último, como bispo de Vila Real”.

“Peço para serdes fiéis à vocação a que fostes chamados. Permanecei firmes, na fé e na esperança, e ativos na caridade, sem terdes vergonha de Cristo, que nasceu, morreu e ressuscitou, para nossa salvação”, escreveu D. Amândio Tomás.

“Há que sonhar, arquitetar e implementar estudos, celebrações e ações de catequese e evangelização nas paróquias, com novos processos, nova linguagem e novo ardor”, sustenta.

Vaticano: Concerto de Natal

A favor de projetos solidários 

2.Vai ser gravado no dia 15 de dezembro com a Orquestra Universal Sinfónica Italiana, na Sala Paulo VI. O secretário da Congregação para a Educação Católica, arcebispo Angelo Vincenzo Zani, classificou a iniciativa de ajudar o Iraque e o Uganda, como “uma gota” no oceano dos “enormes problemas” que afetam estes países.

No Iraque, ainda bastante afetado pela guerra, o objetivo desta iniciativa solidária é apoiar crianças, através da “criação de redes entre várias entidades ligadas à educação” e também do envolvimento de “escolas e universidades italianas”.

Quanto ao Uganda, a prioridade neste momento é ajudar cerca de 40 mil refugiados provenientes do Sudão do Sul, que encontraram refúgio naquele país vizinho.

O concerto, que vai contar com a participação de cantores como Anastacia, Dee Dee Bridgewater e Raphael Gualazzi, e dos bailarinos argentinos Miguel Angel Zotto e Daiana Guspero, será depois transmitido a nível mundial no dia 24 de dezembro pelo Canal 5 da televisão italiana.

Os projetos nos dois países contam respetivamente com o envolvimento da Fundação ‘Scholas Occurentes’, uma rede internacional patrocinada pelo Papa Francisco; e da Missão D. Bosco, da congregação salesiana.

Bragança-Miranda: «Natal na Prisão»

Voluntários participaram na campanha para ajudar 500 reclusos

3.A Cáritas e o Serviço de Pastoral Penitenciária de Bragança-Miranda estão a promoveram a campanha ‘Natal na Prisão’, para os reclusos de estabelecimentos prisionais do distrito bragantino, e dão voz aos seus voluntários num dia especial.

Celsa Garrido afirmou que “é gratificante” estar “a ajudar pessoas em situações complicadas”, sejam reclusos ou outras pessoas que recorrem à Cáritas.

A campanha conjunta ‘Natal na Prisão’ consistiu na recolha de meias e produtos de higiene oral, como escovas e pastas de dentes, para 500 reclusos dos estabelecimentos prisionais de Bragança e Izeda, terminou no dia 9 de dezembro.

A Cáritas Diocesana de Bragança-Miranda explica que “mais do que oferecer” um presente de Natal a todos os reclusos a campanha tem “dois grandes objetivos”: “Sensibilizar a sociedade para a realidade “oculta” atrás das grades e, sobretudo, sensibilizar a própria pessoa privada de liberdade de que é possível começar de novo”.

A campanha começou no dia 18 de novembro e, na véspera, o diretor do Serviço Diocesano da Pastoral Penitenciária, Rui Magalhães, realçou que era “necessário despertar a responsabilidade comunitária” e que a caridade “deve estar presente nas iniciativas de qualquer expressão comunitária cristã”.

Poiares: Presépio com mais de 100 figurantes 

«Presépio Vivo de Poiares 2018».

4.O grupo de jovens «Fé e Obras» em colaboração com várias pessoas dos ambientes salesianos de Poiares da Régua (Diocese de Vila Real) promovem, desde 09 até 30 de dezembro, um «Presépio Vivo de Poiares 2018».

Esta iniciativa que tem lugar no Colégio Salesiano de Poiares visa “colocar Jesus menino no centro do Natal de cada um” e “o presépio mostra a relação que existe entre Cristo que nasce e nós que o acolhemos de braços abertos”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

O presépio mostra “todas as cenas bíblicas” que antecedem o nascimento do Menino e também aquilo que lhe sucede, com a participação de mais de 100 figurantes.

A organização informa ainda que a edição deste ano conta uma exposição de Imagens do Menino Jesus e Presépios em miniatura, uma “novidade” que pode ser visitada nos mesmos dias e horário que o Presépio Vivo de Poiares da Régua.