Livro assinala centenário da Igreja de São Martinho

D.R.

As comemorações dos 100 anos da dedicação da igreja de São Martinho iniciaram-se no sábado e domingo, dias 2 e 3 de junho de 2018 com a apresentação do livro «Igreja de São Martinho, 100 anos».

Este «Guia para conhecer e visitar a igreja de São Martinho» é da autoria do Padre Doutor Marcos Gonçalves, pároco de São Martinho, que no prefácio da obra referindo-se àquele templo sublinha que « a simplicidade de linhas no seu exterior, a arrojada torre sineira, com o maior sino da ilha da Madeira, a leveza e amplitude do seu adro, a paisagem que daí é possível divisar, tudo isso convida a entrar no seu amplo interior, decorado com altares dourados e pinturas e um todo que surpreende o visitante».

Deseja que aquele livro seja «um simples instrumento para levar esta igreja para as nossas casas e para amar mais e preservar, estimar e guardar, viver e valorizar todo este espaço de paz e todo o património vivo que somos nós, herdeiros de uma fé espantosa, para que com vigor saibamos levar em diante a grande missão desta Igreja; dar Cristo, Esperança de todos nós».

Com uma grande quantidade de fotografias da autoria de Marcos Teixeira e Luís Fernandes o livro agora editado é composto por seis capítulos: A história da paróquia; Entra na Igreja; Vida de São Martinho; Vida paroquial; Igreja do Rosário, Capelas do Amparo e da Ajuda; Párocos da Igreja Nova.

O livro, que poderá ser adquirido naquela igreja, é  um importante documento que marca um acontecimento histórico na vida daquela comunidade funchalense.

No domingo 24 de junho a Eucaristia em honra de São João Baptista será presidida por D. António Carrilho, sendo seguida da procissão.

D.R.