Museu de Arte Sacra recebeu prémio da Associação Portuguesa de Museologia

MASF recebeu ainda uma menção honrosa pela disponibilização ao público de mais um espaço visitável, a Torre-varanda-mirante

D.R.

O Museu de Arte Sacra do Funchal (MASF) acaba de receber um prémio nacional da Associação Portuguesa de Museologia (APOM) na categoria de “Educação e Mediação Cultural”, o que é visto como o “reconhecimento de um trabalho de diversificação de estratégias que, indo um pouco além dos discursos reprodutivos, têm sugerido novas pontes e abordagens com a arte, o património e o entorno”. 

Mas o MASF recebeu ainda uma menção honrosa pela disponibilização ao público de mais um espaço visitável, a Torre-varanda-mirante, na cerimónia dos Prémios da Associação Portuguesa de Museologia (APOM) que decorreu no passado dia 25 de Maio, no Museu dos Coches, em Lisboa. 

No mesmo evento também o Solar do Ribeirinho, em Machico, foi distinguido com duas menções honrosas nas áreas da Educação e Mediação Cultural.

Na atribuição da menção honrosa ao Museu de Arte Sacra foi destacado o cuidado na salvaguarda das estruturas e materiais originais. Recorde-se que a intervenção incluiu o restauro do painel de azulejos Virtudes Teologais datado do século XVIII. 

Já a exposição ‘As Ilhas do Ouro Branco – Encomenda Artística na Madeira: Séculos XV-XVI’ foi distinguida com o prémio de “Melhor Exposição Temporária”, em ex aequo com o Museu da Marinha.

A Exposição ganhou, ainda, o prémio na categoria de “Transporte de Património”, atendendo à complexidade logística que esteve associada ao transporte das cerca de 100 Obras que estiveram presentes no Museu Nacional de Arte Antiga. Muitas desta obras, recorde-se foram cedidas precisamente pelo MASF, da Diocese do Funchal.

Recorde-se que a exposição agora premiada abriu as comemorações dos 600 anos da descoberta das ilhas da Madeira e do Porto Santo. Diversas peças de várias instituições madeirenses e de coleções privadas ligadas à época das descobertas estiveram patentes de novembro a abril no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.